Minha empresa precisa de um consultor de marketing digital?

O dia-a-dia do negócio é o primeiro indicador desta necessidade ou não. Se a sua equipe de vendas tem conseguido atingir metas antes mensuradas, ok, seu negócio vai bem, não precisa de um Consultor. Mas se metas ficam pelo caminho, sua equipe pode estar precisando de apoio de um profissional capaz de orientá-los para melhores resultados, aumentando a eficiência do tempo dedicado à empresa e, consequentemente, a eficácia dos resultados.

Por se tratar de uma área bastante nova e em constante mudança, costuma ser difícil para os gerentes, diretores e donos de pequenas empresas acompanharem e colocarem em prática as possíveis estratégias de Marketing Digital. Todas as empresas vivem “na correria”, sejam grandes ou pequenas.

A questão é que em micro e pequenas empresas as lideranças acumulam funções, tendo que reunir múltiplas competências (Financeiro, RH, Compras, Comercial, etc.).

Na hora de falar em Marketing, costuma-se dar um jeito, sem muito planejamento, ou sem planejamento nenhum, avaliando as ações conforme a necessidade. Até mesmo as agências de publicidade raramente prospectam os pequenos, atendendo-os com mais frequência quando são procuradas. Na hora de falar em digital e web, é um pouco mais complicado, afinal, é necessário conhecimento técnico para fazer acontecer e qualquer erro está mais exposto. Caso a empresa decida fazer uma fanpage no facebook, por exemplo, e cometa um erro grave nesta rede, pode ser alvo de críticas ou até mesmo de uma crise em mídias sociais.

Outros indicadores de que sua empresa precisa de um Consultor de Marketing Digital

  • O site da empresa é muito simples e foi construído sem qualquer técnica para conversão de vendas ou contato para a equipe comercial;
  • Os produtos da empresa não são encontrados em buscas das principais palavras chaves dentro do Google ou Bing;
  • Apesar dos produtos que a empresa vende serem produtos populares, os consumidores dificilmente encontram canais oficiais da marca, seja o site ou página em redes sociais;
  • A diretoria quer aumentar a divulgação na Internet, mas o Departamento de Marketing quer manter o relacionamento entre budget e ROI.
  • A empresa têm poucos comentários na rede, porém, existem críticas em canais como o “Reclame Aqui” e ninguém sabe ao certo como lidar com isso;
  • Outras variáveis neste sentido, de acordo com o produto ou serviço de cada empresa.

Quanto tempo dura uma Consultoria de Marketing Digital?

Isso depende muito do caso! De uma forma geral, divide-se os projetos em trimestres. Na web, em especial na área de SEO (Marketing de Busca – para estar bem colocado no Google), os primeiros resultados costumam aparecer em 6 meses. Com menos de 3 meses, quase nada pode ser feito. Claro que isso não é regra, porque existe a possibilidade da empresa ter uma questão muito pontual para resolver.

Quanto pode ser cobrado por um Consultor de Marketing Digital?

Ao contrário do que a maioria dos empreendedores pensa, um serviço de consultoria é viável financeiramente para empresas pequenas sim! O consultor precisa de uma entrevista preliminar para entender melhor a demanda e o cenário do cliente, para então, traçar uma estimativa de atuação. Dificilmente um consultor cobrará por hora, visto que existem problemas que são muito complexos, mas a partir da decisão tomada, são rápidos de resolver. Outros, muito mais simples, porém necessitam de muito mais tempo para uma resolução. Cada caso é um caso! Justamente por isso, o consultor também busca ajustar seus honorários à realidade da empresa no momento de gerar uma proposta.

É muito complicado saber quanto cobrar sem entender qual a demanda no planejamento para esta empresa, mas é fato que um consultor pode passar um orçamento de um projeto para uma empresa pequena, levando em conta a realidade financeira da mesma. Como a consultoria é um processo totalmente customizado, essa adequação já é pré-requisito de trabalho!

A dica é transparência! Se isso lhe preocupa como gestor, abra o jogo e deixe esse ponto claro para o consultor. Essa confiança mútua será necessária em todas as etapas do trabalho.

Fonte: Administradores